Quarta-feira 29 de Janeiro de 2020

Portugal venceu Bósnia e está no Main Round do europeu de Andebol

fp andebol _logoPortugal entrou neste europeu, com jogos a decorrer em Tromdheim (Noruega), onde gravita o principal astro “cuidador” da formação nacional, tendo-a levado à segunda vitória consecutiva e ao apuramento para a fase final (Main Round) principal da competição, um êxito perfeito pelo amor, estoicismo e trabalho produzido pelos jogadores que constituem o grupo ante a liderança técnica de Paulo Pereira.

Este domingo, foi a vez da equipa das quinas “mandar para canto” a estreante equipa da Bósnia-Hezergovina ao derrotar os bósnios por 27-24 (28-25 na antevéspera, frente à França) e confirmar o segundo lugar (4 pontos), a par da Noruega, que, também este domingo, derrotaram a França (28-26, com 14-15 ao intervalo) que ficou afastada da fase final, o que é a principal surpresa destas duas primeiras rondas.

Portugal alinhou com Alfredo Quintana, Fábio Antunes, Alexandre Cavalcanti, Daymaro Salina, Rui Silva, Belone Moreira e António Areia. Foi um início de encontro bastante equilibrado, com o ponta esquerda, António Areia a inaugurar o marcador, no que se seguiram diversas igualdades até perto dos 10 minutos de jogo, altura em que Portugal conseguiu três golos de vantagem, em 8-5.

Esta vantagem foi mantida até aos 22 minutos de jogo, altura em que a Bósnia consegue reduzir a diferença que ficou pela margem mínima aos 25 minutos da primeira parte. Nos últimos 5 minutos, a Bósnia iguala a partida, mas Rui Silva e Pedro Portela voltam a distanciar a turma lusa no marcador, mas a formação balcânica volta a conseguir reduzir para um golo e Portugal sai para o intervalo a vencer por 12-11.

No segundo tempo, a Bósnia conseguiu um parcial de 3-0, e passa para a frente do marcador, mas João Ferraz volta a empatar a partida, com um golo espectacular, perto dos 40 minutos, e Pedro Portela, na conversão de um livre de 7 metros, volta a colocar Portugal na frente.

Mais tarde, o mesmo ponta esquerda, deu a liderança a Portugal por quatro golos (20-16), tendo a equipa nacional mantido a consistência e liderou a partida até ao final, vencendo o encontro por 27-24.

Alfredo Quintana foi o MVP do encontro e Pedro Portela o melhor marcador, com 10 golos, numa partida que foi vista por 8.932 espectadores

O sete português dedicou esta vitória ao piloto Paulo Gonçalves que faleceu, este domingo, num acidente durante a participação na 7.ª etapa do Rally Dakar, aos 40 anos, tendo a Federação de Andebol de Portugal enviado condolências aos familiares e amigos.

Para terminar este grupo D, Portugal vai defrontar a Noruega (outro candidato às medalhas) na próxima terça-feira (19h30 horas, na SportTV2), antecedido pelo Bósnia Herzegovina-França, para os dois últimos lugares do agrupamento.

© 2020 Jogada do Mes. Todos os direitos reservados. XHTML / CSS Valid.