Quarta-feira 06 de Julho de 2022

Sensacional Mafra na meia-final da Taça de Portugal frente ao Tondela

Portimo vs Mafra tp 2021_2022

FPF

Com um objectivo determinado, concreto, preciso e necessário para fazer o melhor de sempre na história do clube, o Mafra (2ª Liga) foi vencer o Portimonense, no seu campo, e apurar-se para a segunda meia-final da Taça de Portugal.

No que foi a principal surpresa da prova Rainha de Portugal, os mafrenses entraram com “fome” de bola e, em especial de golos, tomando a dianteira no marcador logo aos 4’, quanto Rodrigo Martins surgiu isolado à entrada da área dos algarvios, deixou pelo caminho o defesa Pedrão e atirou para o 0-1, no que foi o primeiro balde de água fria para a equipa da casa.

E se este golo foi rápido, melhor foi o segundo para o Mafra que (16’) chegou ao 0-2 com um golo obtido na concretização de uma grande penalidade transformada por Gui Ferreira, depois do árbitro ter assinalado a falta de Pedrão sobre Aparício.

O Portimonense, de ambas as vezes por Nakajima, tentou reduzir a margem, tendo o japonês introduzido a bola na baliza do Mafra (27’), que o árbitro não confirmou porquanto o avançado estava em posição de fora de jogo.

Quatro minutos depois (31’) Nakajima marcou mesmo, fazendo o 1-2, na sequência de um livre, com o avançado a rematar perto da linha de grande área.

Com a referida “loucura” de marcar golos, o Mafra chegou aos 1-3 (36’) por intermédio de Pedro Lucas, depois do defesa Angulo ter falhado o corte, seguindo a bola para Tomás Domingos que cruzou para a área onde Pedro Lucas surgiu a cabecear pela certa.

Com dois golos de vantagem e sempre apontado a mais, era quase certo que o Mafra começava a ter os olhos na meia-final, o que foi confirmado (71’) quando, em nova grande penalidade (Possignolo fez cair Aparício e o árbitro assinalou o castigo máximo), que Bura transformou no quarto golo de um grupo de “guerra” ido de Mafra.

Aylton Boa Morte (90+1’) continuou a lutar tentar chegar mais longe mas apenas conseguiu chegar ao 2-4 quando o Portimonense marcou o segundo e último golo.

Um triunfo inesperado mas que em que o desporto, uma vez mais, se viveu nos 90 minutos onde tudo aconteceu.

Mafra que vai jogar frente ao Tondela (onde joga primeiro, em 9 de Fevereiro, estando o jogo da segunda mão assinalado para o dia 2 de Março.

Na outra meia-final, o F. C. do Porto recebe o Sporting, nas mesmas datas.

Entretanto e para acerto, pelo menos até agora, da Liga Bwin, o Famalicão recebeu, também esta quinta-feira, o B-SAD a quem venceu por 12-0, suficiente para manter a formação de Lisboa no 18º e último da classificação da Liga Bwin, enquanto o Famalicão subiu à 16ª posição, mas também perto da linha de água.

Neste sábado arranca a 18ª jornada (1ª da segunda volta), com os jogos Boavista-Gil Vidente (15h30), Benfica-Moreirense e Braga-Marítimo (18h), fechando o dia com o Estoril-Arouca (20h30’).

© 2022 Jogada do Mes. Todos os direitos reservados. XHTML / CSS Valid.