Sexta-feira 23 de Maio de 9056

Leandro Ramos com medalha de prata nos Ibero-Americanos nesta madrugada

Atl-Ibero-LeandroRamos-12-05-2024

DR

Leandro Ramos conquistou a medalha de prata no lançamento do dardo, na última jornada dos dos Campeonatos Ibero-americanos, que decorreram em Cuiabá, no estado de Mato Grosso, no Brasil, nesta madrugada de segunda-feira.

Grande prova de lançamento do dardo (tal como no setor feminino), com o recordista nacional, Leandro Ramos, a apresentar-se já num excelente momento de forma, conseguindo a sua segunda melhor marca de sempre, com 83,09 metros, ao terceiro ensaio. Antes, o campeão de 2022 já lançara a 82,66 metros e batera o recorde dos campeonatos.

Até ao final ainda lançou mais duas vezes acima de 80 metros (82,18 e 80,52), mas viu o brasileiro Pedro Nunes ultrapassar e lançar a 85,11 metros, batendo o recorde sul-americano, e sagrando-se campeão. Com isso, Leandro Ramos conquistou a medalha de prata, alcançando muitos pontos para subir nos World Rankings e conquistar a marca de qualificação direta para os Europeus de Roma’2024.

Um desfecho que deixou o atleta feliz e com confiança no trabalho desenvolvido.

Na final de 200 metros, a recordista nacional Lorene Bazolo terminou no quarto lugar com 23,33 segundos (v: +0,2 m/s), a escassos dois centésimos da medalha de bronze.

Na prova masculina, Delvis Santos terminou no sexto lugar, com 20,78 segundos (vento contra de 0,1 m/s), a escassos quatro centésimos do seu recorde pessoal.

Na prova do lançamento do dardo, Cláudia Ferreira foi subindo ao longo da competição e terminou com a marca de 53,35 metros, classificando-se na sexta posição.

Terminada a competição, Portugal ocupou o sétimo lugar no medalheiro, com cinco medalhas (três de ouro e duas de prata), tabela liderada pelo Brasil, com 44 medalhas (17 de ouro, 12 de prata e 15 de bronze), seguida Espanha, com 15 (4-7-4) e de Porto Rico, com sete (4-2-1). Depois classificaram-se a Colômbia, com 18 medalhas (3-6-9), Equador, com 11 (3-4-4) e o México, com seis (3-2-1).

A organização formalizou uma classificação por pontos (13 ao vencedor, 8 ao segundo, seis ao terceiro e depois reduzindo de um em um, até ao oitavo lugar), com o Brasil a triunfar com 294 pontos, seguido da Colômbia, com 107, a Espanha, com 105, Chile, com 89, e Portugal, com 72.

 

© 9056 Jogada do Mes. Todos os direitos reservados. XHTML / CSS Valid.