Segunda-feira 26 de Outubro de 2020

Benfica de “aflitos” venceu Farense e é guia isolado

Num encontro em que foi o Farense a dominar a partida, em especial nos remates à baliza, a verdade é que o Benfica foi mais eficaz e venceu os algarvios por um tangente 3-2.

DR

Fernando Correia / JDM

Dos 12 remates efectuados (contra 14 do Farense) e dos 7 que foram para a baliza (9 do Farense) o Benfica conseguiu marcar três golos e conseguiu chegar à liderança com três vitórias consecutivas.

Pizzi (15’) e Seferovic (79’ e 87’) marcaram para os encarnados, enquanto Lucca (54’) e Patrick (90+5’) fizeram os tentos dos algarvios, numa posse de boa onde o Benfica foi superior (59/41%).

Em Portimão, os locais entraram maquis ou menos “adormecidos” no relvado e, num espaço de 11 minutos, sofreram os dois golos que o Sporting marcou (e ganhou o jogo).

Nuno Mendes (4’) e Nuno Santos (11’) – ambos da “cantera” leonina – foram os autores da proeza que, como que confirmando o “sono” algarvio, nunca mais “acordaram”, apesar de um certo equilíbrio que se verificou na partida, com 53/47% de posse de bola, 19-15 remates (dos quais 6-4 para a baliza) e 7-2 em cantos, os de Portimão lideraram em tudo mas não contaram com a eficiência inicial dos jovens leões.

Fernando Correia / CN

Fernando Correia / CN

Famalicão e Rio Ave empataram (1-1) no jogo efectuado no Minho, com golos marcados por Lameiras (21’) para os donos da casa e de Aderlan (78’) para os forasteiros.

No outro encontro desta terceira jornada, o Nacional e o Belenenses SAD também empataram mas a zero.

 

 

© 2020 Jogada do Mes. Todos os direitos reservados. XHTML / CSS Valid.