Segunda-feira 26 de Outubro de 2020

Arnaud Démare com terceira vitória no Giro d’Itália com João Almeida a liderar

O ciclista Arnaud Démare (Groupama-FDJ) venceu, esta sexta-feira, a sétima etapa do Giro de Itália, depois de uma descida a alta velocidade (com o recorde de 51,324 km/h) ligando Matera e Brindisi, com 143 km, numa chegada formada num pelotão com 68 unidades.

Como se esperaria, tal como aconteceu na véspera (quinta-feira) Démare saiu do meio do pelotão e saltou para a liderança, para confirmar mais um triunfo, de novo sobre Peter Sagan (Bora-Hansgrohe), enquanto Michael Matthews voltou a ser terceiro, o que vale alguns segundos de prémio.

Ciclismo-VoltaItalia-JoãoAlmeida-09-10-2020João Almeida, o novo (22 anos) português “descobridor” do ciclismo mundial, chegou na 16ª posição, com tudo controlado pela sua equipa, com o mesmo tempo (2h47m28s) do vencedor, pelo que vai, este sábado, para a estrada pela quinta vez com a camisola Rosa vestida, sinónimo de líder deste Giro d’Itália, tendo demonstrado que tem a força e a mente dos grandes campeões.

Rúben Guerreiro, o outro português em prova, chegou em 104º, a 58 segundos do vencedor, ocupando agora o 40º posto na geral, a 18m32s.

João Almeida soma agora 24.48.29, mantendo os 43 segundos de avanço para o espanhol Pello Bilbao (Barhain McLaren) e os 48 segundos para Wilco Kelderman (Team Sunweb), que assumem o pódio por esta ordem.

Para além da Camisola Rosa, João Almeida assume também a Branca (Juventude), enquanto Arnaud Démare continua vom a camisola dos Pontos e Fillippo Ganna a da Montanha, sendo que a Deceuninck-Quick Step continua a liderar nas equipas.

CiclismoVoltaItalia-Vencedor-09-10-2020 (1)Neste sábado, os ciclistas vão apresentar-se na partida, em Giovinazzo, para fazerem a ligação a Vieste (Gargano), depois de 200 km de prova, desta vez mais difícil, não só pela distância mas, em especial, pela montanha (2ª categoria) que surge sensivelmente a meio da etapa (106,2 km, em Mont Sant Angelo, a 747 metros) que pode ou não ter influência no desenrolar da prova, considerando que haverá muito ainda para andar até se chegar ao final.

Com um dia de descanso no horizonte, é provável que alguém se lembre em fazer alguma partida, para a qual (ou quais) João Almeida e a sua equipa vão estar atentos, para não haver surpresas.

 

© 2020 Jogada do Mes. Todos os direitos reservados. XHTML / CSS Valid.