Terça-feira 24 de Novembro de 2020

Portugal apurado para a fase final do EuroSub21

Ao vencer (2-1) a equipa do Chipre no jogo este domingo realizado no Estádio Municipal da Bela Vista, no Parchal, Portugal garantiu a presença na fase final do EuroSub21, marcando mais uma presença num caminho traçado há bastante tempo.

DR / FPF

DR / FPF

Apesar da “magreza” do resultado, a formação lusa dominou a seu bel-prazer, ainda que tendo de lutar muito para chegar a um triunfo “sofrido”, porquanto viu-se a perder desde o terceiro minuto do jogo.

Indo por partes, a equipa nacional teve uma posse de bola (71-29%) que dispensa adjectivos e ou comentários, criou oito oportunidades de golo contra apenas um, fez 22 remates contra 4 a equipa de Nicósia, dos quais 9 foram para a baliza, contra apenas dois dos visitantes.

Só que uma coisa é a “matemática” dos números e outra é que os golos entrem na baliza, seja onde for.

Artymatas (3’) aproveitou um livre por falta de T. Correia e cabeceou da melhor forma para chegar ao 1-0, numa altura em que “ninguém tinha aquecido”.

Ainda no primeiro tempo, Portugal conseguiu chegar ao empate, num golo obtido (45+1’) por Gedson, de grande penalidade, assinalada pelo árbitro após falta cometida por R. Mamas.

No segundo tempo, Queirós (68’), no seguimento de um pontapé de canto marcado por V. Ferreira, que cabeceou para o sítio certo e colocou Portugal em vantagem, resultado que não foi modificado até final.

Sob a direcção da equipa de arbitragem chefiada por B. Luca (São Marino), Portugal alinhou com Diogo Costa na baliza; T. Correia, Diogo Queirós, Diogo Leite e Nuno Mendes (Fábio Vieira, 81’), na defesa; Vítor Ferreira, Florentino e Gedson na linha média; Rafael Leão (João Mário, 46’), Dany Mota (G. Ramos, 46’) e Jota (Pedro Gonçalves, 68’).

© 2020 Jogada do Mes. Todos os direitos reservados. XHTML / CSS Valid.