Terça-feira 09 de Maio de 4643

Barbara Timo conquistou o bronze no Europeu de Judo, em Lisboa

Judo-SelecçãoEuropeu-16-03-2021Barbara Timo voltou a estar em alto nível numa competição internacional e conseguiu chegar à medalha de bronze na categoria de -70 kg depois de quatro combates, em que perdeu apenas o segundo, que conseguiu recuperar para a medalha.

Foi a terceira medalha para Portugal neste Europeu de Lisboa’2021, no Altice Arena, depois do ouro de Telma Monteiro e do bronze der João Crisóstomo, ambas alcançados no primeiro dia da competição, com a equipa portuguesa a cumprir, desde já, os fins previstos para esta competição, que era precisamente de se conquistar três medalhas.

Mas, no último dia, este domingo, Patrícia Sampaio, Rochele Nunes e Jorge Fonseca ainda tem grandes possibilidades de poderem aumentar esse número, face aos êxitos alcançados em anos anteriores.

Voltando a este sábado, Barbara começou por ficar isenta e quando entrou nos tatamis pela primeira vez derrotou a húngara Szabina Geresak (waza-ari), perdendo de seguida para a holandesa Kim Polling (ippon).

Ainda assim, foi à repescagem vencer a espanhola Maria Bernabeu (ippon), derrotando de seguida a croata Lara Cvjetko (ippon) e subindo ao terceiro lugar da classificação para receber o almejado bronze.

Relevo ainda para o 5º lugar alcançado por Anri Egutidze (-81 kg), com três vitórias consecutivas sobre o espanhol Amtonio Esposito (ippon), o russo Khasar Khalmuzaev (ippon) e o israelita Sagi Muki (ippon), que lhe deu a vitória no grupo C.

Na meia-final perdeu com o turco Vedat Albayrak (ippon+waza-ari), tendo disputado o terceiro lugar com o italiano Christian Parlati, com quem perdeu (ippon), tendo concluído no quinto posto, o que foi bom.

Na mesma categoria, Manuel Rodrigues foi eliminado pelo turco Muhammed Kac (ippon), enquanto João Fernando (-73 kg), venceu o esloveno Martin Hojak (ippon) mas foi afastado de seguida pelo sueco Tommy Macias (ippon).

Neste domingo, oportunidade para Patrícia Sampaio (-78 kg), Rochele Nunes (+78 kg), Jorge Fonseca (campeão mundial em título) e Diogo Brites (-100 kg), com Vasco Rompão a estar nos +100 kg.

Homenagem a Telma Monteiro

Entretanto, o Governo aproveitou a realização deste Europeu em Lisboa para condecorar Telma Monteiro, quiçá a mais medalhada atleta portuguesa de sempre, com a Medalha de Honra ao Mérito Desportivo, distinção que, ao fim e ao cabo, releva uma longa carreira desportiva ao mais elevado nível, a que correspondeu a conquista de 15 medalhas em quinze edições do Campeonato de Europa.

 

 

 

 

© 4643 Jogada do Mes. Todos os direitos reservados. XHTML / CSS Valid.