Terça-feira 24 de Setembro de 3196

Portugal garantiu vaga no Mundial ao vencer a República Checa no Euro Sub-17 em Andebol

A formação lusa irá lutar por uma vaga na disputa do 9º lugar, no Campeonato da Europa de Sub-17, após ter levado a melhor frente à equipa da Republica Checa por 26-28.

Andebol-EuropeusJovens-13-08-2021Foi a turma portuguesa que entrou melhor em campo, com um parcial de três golos sem resposta, mantendo-se no comando do encontro. No entanto, resultado das investidas da formação da checa, a mesma conseguiu reequilibrar o encontro e chegar ao empate a quatro golos, perto dos 7 minutos do encontro.

O equilíbrio passou a ser nota dominante no primeiro tempo, com as portuguesas a conseguirem, ainda, dois golos de vantagem, por diversas vezes, no entanto, as checas conseguiram sempre voltar a empatar a partida e as equipas saíram para o intervalo com igualdade a 16 golos.

No segundo tempo, Portugal entrou com um parcial de três golos sem resposta, tal como no início do encontro, acabando mesmo por ampliar a vantagem para quatro, levando a formação checa a pedir time-out. Este pedido de tempo acabou por trazer alguma frescura ao ataque checo, que conseguiu reduzir a diferença para a margem mínima (20-21), chegando ao empate a 22 golos. No entanto, a formação lusa não voltou a permitir a aproximação, e acabou por selar uma vitória por 26-28, com a ajuda de Sofia Ferreira, que com 6 golos, foi a melhor marcadora do encontro, acabando por ser considerada também a MVP do mesmo.

A equipa nacional, para além deste apuramento, vai disputar o 9º lugar do Campeonato da Europa de Sub-17, tendo pela frente a Suíça, num encontro que se realizará este sábado, pelas 16h30, com transmissão na EHFTV.

Portugal mais perto do Main Round no Campeonato da Europa de Sub-19

Por seu lado, a selecção nacional carimbou uma vitória frente a França, por 29-26, e somou a primeira vitória na fase de grupos do Euro 2021.

As francesas foram as primeiras a marcar mas, rapidamente, Portugal soube reagir com um parcial de quatro golos sem resposta, passando para o comando do jogo, vencendo por 5-2, aos 10 minutos do encontro. De seguida, a formação gaulesa tentou recuperar mas à passagem do minuto 15, o resultado ainda se encontrava a 9-6, recuperação que acabou por surgir perto dos 24 minutos de jogo, altura em que Carlos Martingo colocou na mesa um time-out. Na retoma, Portugal amplia a vantagem para dois golos mas França acaba por pedir também desconto de tempo e nos últimos instantes da primeira parte surgiram igualdades sucessivas, culminando com um empate a 11 golos na saída para o descanso.

A entrada de Portugal no segundo tempo foi fulgurante. Apesar de algum equilíbrio nos minutos iniciais, os lusos acabaram por disparar no marcador, com um parcial de cinco golos sem resposta, passando o marcador para 17-12, em apenas 6 minutos. França voltou a tentar reequilibrar o encontro, aproximando o resultado, a dois golos de diferença, aos 43 minutos, quando o placar assinalava 20-18.

No entanto, Portugal voltou a ampliar a contagem, chegando a 25-21 quando faltavam apenas oito minutos para o final do encontro. Portugal terminou com uma vitória 29-26, com Miguel Oliveira a ser considerado o MVP do encontro e Francisco Costa a ser o melhor marcador, com 12 golos.

© 3196 Jogada do Mes. Todos os direitos reservados. XHTML / CSS Valid.