Quarta-feira 06 de Julho de 2022

Auriol e Liliana em evidência nos lançamentos efectuados na Liga Diamante

Atl-MeetingHengelo-Auriol-06-06-2022

FP Atletismo

Nesta quinta-feira, Auriol Dongmo obteve, em Oslo (Noruega) um bom terceiro lugar na prova do lançamento do peso ao lançar o engenho a 19,43 na final do concurso, prova que foi ganha pela norte-americana Chase Ealey (20,13), à frente da neerlandesa Jessica Schilder (19,46).

No disco, Liliana Cá classificou-se em quinto lugar, lançando a 61,49 metros, prova em que a vencedora foi a croata Sandra Perkovic (66,82), à frente da norte-americana Valarie Allman (65,91).

No salto com vara, o sueco Armand Duplantis continua a dominar, vencendo com 6,02, enquanto o francês Renaud Lavillenie foi 6º, com 5,60.

Copa Ibérica em Castellón com bons resultados

Em Castellón (Espanha), no meeting local, registou-se uma chuva de bons resultados, avultando o recorde pessoal (que era de 6,71) de Evelise Veiga, que saltou 6,74 metros em comprimento (+0,8 m/s), tendo ficado a cinco centímetros da qualificação direta para os Europeus, onde é oitava no ranking europeu.

Ruben Antunes venceu o martelo com 70,61 metros; Jessica Inchude foi segunda no lançamento do peso, com 18,03 metros; e Edujose Lima foi quinto no lançamento do disco (66,48 metros).

Nas corridas registaram-se também bons resultados: nos 100 metros femininos (vento: +1,5 m/s), Lorene Bazolo venceu em 11,31 segundos, com Rosalina Santos em segundo (11,50 segundos); nos 400 metros, triunfo de Cátia Azevedo, em 51,43 segundos, melhor marca nacional do ano; nos 5.000 metros, Lia Lemos foi quinta classificada com 16.13,97, com Inês Borba a terminar em sétimo (16.53,18); e nos 1 500 metros, Mariana Machado foi 8ª (4.11,45), enquanto Salomé Afonso foi 11ª (4.14,91).

Destaque ainda para o recorde pessoal de Nuno Pereira nos 1.500 metros (3.37,34), subindo ao 9º lugar do ranking de sempre; para o excelente resultado de Ruben Amaral nos 5.000 metros (13.46,01), melhor marca nacional do ano (Jacinto Gaspar foi 16º, com 14.52,35); nos 3 000 metros obstáculos, Miguel Borges foi 3º com 8.38,18), o seu melhor deste ano; e nos 800 metros, os juniores David Garcia (5º na série B com 1.50,55) e Rodrigo Lima (1º na série C, com 1.51,32), fizeram o s seus melhores resultados do ano.

Na Taça Ibérica, realizada neste mesmo meetting, o Sporting venceu o Playas de Castellón (17-13 em 10 provas), com um atleta de cada equipa por prova.

Antes, Tiago Pereira obteve o 5º lugar no triplo salto no meeting realizado em Turku (Finlândia), saltando 16,30 (+1,3), prova ganha pelo brasileiro Almir Santos, com 16,90 (+0,1).

No meeting que teve como palco a cidade suíça de Berna, Lorène Bazolo foi 3ª nos 100 metros, com o bom registo de 11,45, atrás de Mujinga Kambundji (11,11) e de Géraldine Frey (11,43).

No peso, Tsanko Arnaudov também foi terceiro, com 19,68, prova ganha pelo ucraniano Roman Kokoshka (19,94), enquanto o alemão Simon Bayer foi 2º (19,90).

Nos 110 metros barreiras, Abdel Larrinaga subiu ainda ao 3º lugar, com 13,81.

© 2022 Jogada do Mes. Todos os direitos reservados. XHTML / CSS Valid.