Terça-feira 23 de Julho de 2024

Portugal “fresco” e recomendável para a partida frente ao jogo com a Geórgia

Europeu-Alemanha-24-06-2024

FPF

Sob temperatura mais quente do que tem sido hábito, a seleção nacional cumpriu nova sessão de trabalho em Marienfeld, preparando um desafio que não “conta” para o apuramento (Portugal chegou lá), mas que uma vitória assentará melhor para cumprir o grupo F com o pleno de vitorias, como a Espanha fechou esta segunda-feira.

Roberto Martínez não pôde contar com Gonçalo Ramos, Diogo Jota e Nuno Mendes, todos a fazerem trabalho específico, sendo que o lateral não chegou a pisar o relvado.

Os restantes trabalharam sob as ordens da equipa técnica, preparando o último jogo do Grupo F com a Geórgia que se realiza esta quarta-feira em Gelsenkirchen.

A Seleção Nacional faz às 11 horas desta terça-feira o treino oficial em Marienfeld. À tarde (17h45 locais) terá lugar a conferência de imprensa no Veltins Arena com o selecionador nacional e um jogador.

Diogo Costa foi à sala de imprensa responder às questões dos jornalistas presentes na conferência desta segunda-feira, tendo referido que

Europeu-Alemanha-Diogo-24-06-2024

FPF

Só sofreu um golo neste europeu. Sente-se mais seguro do que no Mundial?

“Sim, é verdade que o Mundial não foi o melhor que fiz, espero ter aprendido com os erros. Quero sempre dar o meu melhor e ajudar a equipa”.

Fez uma grande defesa contra a Turquia. Planeia descansar contra a Geórgia?

“Eu estou preparado para tudo o que acontecer. Trabalho todos os dias da mesma maneira para representar o que sou e o nosso país”.

Faz hoje 20 anos que o Ricardo defendeu um penálti no Euro’2004. Falou com ele?

“Não, ainda não falámos muito sobre isso. Da minha parte, é sempre um privilégio ter o Ricardo todos os Dias para treinar e partilhar momentos, e que ele me passe todos os conselhos para defender penáltis e ajudar a equipa.

Jota disse que Klopp lhe mandou mensagem após golo anulado frente à Chéquia. Vai ter um novo treinador esta época, alguém o felicitou pela passagem aos “oitavos”?

“Confesso que já estava preparado para essa pergunta, mas acho que deveríamos focar no que é importante. Não insistam nestas perguntas de clube, neste momento o importante é ganhar à Geórgia”.

Família presente motivou?

“Sim, estar com a família é sempre muito bom. Ajuda de certa forma a aliviar um pouco o contexto de trabalho e lidar com a pressão dos jogos. É o suporte de nós todos, é uma felicidade vê-los e vai dar mais motivação para o resto do campeonato.”

Como lidam [José Sá e Rui Patrício] com as frustrações de não jogarem, cria fricção?

“A amizade existe. Cada um tem ambição de jogar e dar contributo, está sempre presente. O mais importante é sempre que a seleção ganhe e é nisso que estamos focados. Temos amizade bem sólida que nos vai dar muita força para o resto do Euro.”

Roberto Martínez costuma dizer antes aos guarda-redes quem joga. Já sabe quem joga com a Geórgia?

“Ainda não nos disse. O selecionador já admitiu que eu seria o número um, por assim dizer. O respeito que tenho pelo Sá e pelo Rui é enorme, estou sempre a representá-los dentro de campo. O que mais importa é que a Seleção ganhe.”

Pepe, pelo que mostrou nestes jogos, tem capacidade para jogar além deste Euro?

“Pelo jogo que fez contra a Turquia está mais que provado que consegue continuar e ao mais alto nível.”

Para dirigir o jogo, a UEFA nomeou o suíço Sandro Scharer para apitar, quarta-feira, o Geórgia-Portugal, último jogo do Grupo F do Euro-2024.

Sandro Scharer, de 36 anos, já apitou na competição o Eslovénia-Dinamarca. Será a primeira vez que arbitra um jogo da Seleção A portuguesa, tendo em 2022 dirigido um encontro da seleção de sub 19 (Portugal-Finlândia, 3-0)

Os árbitros assistentes serão Stefan Lupp (Alemanha) e Bekim Zogaj (Suíça), com o ucraniano Mykola Balakin como quarto árbitro.

No VAR estará o também suíço Fedayi San e os franceses Willy Delajod e Jerome Brisard.

esp vs albania 2024

UEFA Euro 2024

Espanha fez o pleno nesta segunda-feira

Para o grupo B, a Espanha venceu (1-0) a formação da Albânia, com um golo marcado (13’) por Fernan Torres, num encontro em que dominou (60/40%), com mais remates (16-10) mas menos para a baliza (3/4), o que justificou uma certa parcimónia, que resultou num golo apenas.

Com o triunfo, os espanhóis cumpriram a terceira vitória, somando 9 pontos – feito que só Portugal pode igualar – enquanto a Itália, que empatou (1-1) com a Croácia, ficou em segundo (4) e a Croácia foi 3º, onde os golos foram obtidos por Modric (55’) para os croatas e Zaccagni (90+8’) para os italianos.

Nesta terça-feira, lugar ao encerramento do grupo D, com os jogos Holanda-Áustria e França-Polónia (ambos pelas 17 horas), e também do grupo C com as partidas Inglaterra-Eslovénia e Dinamarca-Sérvia (os dois a partir das 20 horas).

Dois grupos onde tudo pode acontecer, porquanto as diferenças entre os participantes são mínimas.

 

© 2024 Jogada do Mes. Todos os direitos reservados. XHTML / CSS Valid.