Sábado 30 de Maio de 2020

Jesus colocou Flamengo nos píncaros ao vencer a Taça Libertadores

DR / Alexandre Vidal /Clube de Regatas do Flamengo

DR / Alexandre Vidal /Clube de Regatas do Flamengo

Tal como muitas vezes aconteceu em Portugal, em especial quando ao serviço do Benfica, Jorge Jesus tem o Brasil na “mão” ao levar o Flamengo a conquistar mais uma Taça dos Libertadores da América do Sul, 38 anos depois do último triunfo nesta competição.

Jesus saiu da cidade de Lima a “pensar” como foi que aconteceu, depois de estar a perder desde os 14 minutos de jogo, “rebuscando” forças, tácticas e outras “artimanhas” para dar a volta ao resultado nos minutos complementares definidos pelo árbitro da partida, como se verificou.

Gabigol (Gabriel Barbosa), que tem sido o maior abono de “família” da equipa do Flamengo,começou a soltar a “franga” e, em cinco minutos, resolveu o assunto que arrastou durante muito tempo.

O primeiro golo surgiu aos 89’ e o segundo quando o cronómetro já estava nos 90+2’.

DR / Alexandre Vidal /Clube de Regatas do Flamengo

DR / Alexandre Vidal /Clube de Regatas do Flamengo

Um triunfo que acaba por marcar a força mental e física que a equipa do Flamengo “transpira”, estando a caminho de se sagrar campeão e conquistar mais um título brasileiro.

 

© 2020 Jogada do Mes. Todos os direitos reservados. XHTML / CSS Valid.