Quarta-feira 26 de Fevereiro de 2020

SIGA discute em Lisboa a Integridade no Desporto para a década de 2020/2030 no âmbito dos Media.

SIGA-COP-logoA SIGA (Sports Integrity Global Alliance ou Aliança Global para a Integridade no Desporto, na versão portuguesa), coincidindo com o terceiro aniversário da sua constituição – recorde-se que a apresentação oficial foi feita também em Lisboa – regressa à capital de Portugal para lançar mais desafios no âmbito da integridade no desporto.

A SIGA pretende ajudar a cumprir os crescentes desafios à integridade, promovendo um ampla processo de consulta sobre quais serão os maiores desafios enfrentados pelo desporto durante a actual década e o que precisa ser feito para salvaguardar sua integridade.

Em cooperação com o CNID-Associação dos Jornalistas de Desporto de Portugal – parceiro da SIGA desde o início – promove a acção a que deu o nome de “Integridade no Desporto 2020-2030 – Os grandes desafios da Década na perspectiva dos Media”.

Evento que decorre nesta quinta-feira, a partir das 9h30, no Museu do Desporto (Palácio Foz), contando com a presença dos directores de vários órgãos da comunicação social portuguesa, além de outros responsáveis na área do jornalismo desportivo, num momento de reunião que se produz na capital portuguesa na altura em que um grupo de personalidades se prepara para apresentar um estudo/proposta que, mais uma vez, está na “berra” no que se refere à análise do apoio governamental à comunicação social, cujo destina é a entrega na Assembleia da República.

Sendo a maior coligação do mundo no campo da governança e integridade do desporto, suportada por mais de uma centena de instituições internacionais de vários sectores, a SIGA é uma organização independente e neutra, cuja missão é realizar reformas significativas e melhorar a integridade dos todos os desportos através de um conjunto de padrões universais operados por um órgão independente e neutro.

A SIGA é a única organização que reúne desporto, governos, academia, organizações internacionais, patrocinadores, empresas, detentores de direitos, ONGs e serviços profissionais de todas as regiões do mundo, em torno de uma causa comum de promover maior integridade em todo o desporto.

A sessão de abertura contará com a presença de João Paulo Rebelo (Secretário de Estado da Juventude e Desporto), Emanuel Medeiros, Chairman e CEO da SIGA e Manuel Queiroz, presidente do CNID.

Por volta das 10 horas, seguir-se-á uma entrevista de Emanuel Medeiros a Paul Nicholson, Editor e CEO do “Inside World Footbal” sobre o tema “Prioridades 2020 e Visão 2030”.

“Desafios e Plano para o Futuro”, será o tema que se seguirá, com a presença de Vítor Serpa (Director de A Bola), Sérgio Krithinas (Director-Adjunto do Jornal Record), Alexandre Afonso (Coordenador de Desporto da Antena 1 (RDP) e os jornalistas Rosa Pinto (SIC) e João Marcelino.

Depois do primeiro intervalo, debater-se-á (11h30) os “Desafios e Plano para o Futuro”, com a presença de Gianni Melro (Presidente da Associação Internacional de Imprensa Desportiva (AIPS), José Manuel Ribeiro (Director de “O Jogo”), Cecília do Carmo (Produtora Editorial), António Varela (Director de Comunicação do Comité Olímpico de Portugal) e Francisco Guimarães (comentador da Sport TV).

Seguir-se-á às conclusões, com Katie Simmonds (SIGA) e, depois, a sessão de encerramento com Manuel Queiroz (Presidente do CNID); Joaquim Evangelista (Presidente do Sindicato dos Jogadores Profissionais de Futebol (SJPF); − João Paulo Almeida (Director Geral do Comité Olímpico de Portugal), Vítor Pataco (Presidente do Instituto Português da Juventude e do Desporto (IPDJ) e Emanuel Macedo de Medeiros, CEO, SIGA.

© 2020 Jogada do Mes. Todos os direitos reservados. XHTML / CSS Valid.