Quarta-feira 28 de Outubro de 2020

Fernando Santos: os jogos da Liga das Nações são para ganhar!

DR / FPF

DR / FPF

O seleccionador nacional, Fernando Santos, divulgou, esta segunda-feira, a lista de convocados para o arranque de mais uma edição da Liga das Nações, com Portugal a receber, na fase de grupos, a Croácia no dia 5 de Setembro (19h45), no Estádio do Dragão, deslocando-se depois a Solna, onde enfrentará, no dia 8 a Suécia. 

Estes são os primeiros jogos da equipa nacional desde o mês de Novembro de 2019, tendo-se ficado a conhecer os disponíveis para esta primeira ronda, que são os seguintes:

Guarda-redes - Anthony Lopes (Olympique Lyon), Rui Patrício (Wolverhampton Wanderers FC) e Rui Silva (Granada CF);

Defesas - João Cancelo (Manchester City), Nélson Semedo (Barcelona), Domingos Duarte (Granada), José Fonte (LOSC Lille), Pepe (FC Porto), Rúben Dias (Benfica), Mário Rui (Nápoles) e Raphael Guerreiro (Borussia Dortmund);

Médios - Danilo Pereira (FC Porto), Rúben Neves (Wolverhampton), André Gomes (Everton), Bruno Fernandes (Manchester United), Bernardo Silva (Manchester City), Renato Sanches (Lille), João Moutinho (Wolverhampton) e Sérgio Oliveira (FC Porto);

Avançados - Diogo Jota (Wolverhampton Wanderers FC), André Silva (Eintracht Frankfurt), Cristiano Ronaldo (Juventus), Trincão (Barcelona), Gonçalo Guedes (Valencia) e João Félix (Atlético Madrid).

A propósito das escolhas, Fernando Santos salientou que “contam sempre o estado do jogador, a sua forma, o tempo de jogo. Muitas vezes, há jogadores equivalentes, mas uns estão a competir e outros não. É apenas um método de escolha, como há outros, quando existem quatro jogadores para duas posições. Quando há quatro com a mesma qualidade há dois para o objectivo. Depois temos esta condicionante, que é um aspecto importante: apesar de habitualmente estarmos muito tempo sem jogadores, apenas com contacto directo de três em três meses, mas em observação permanente, este é um dado novo, em que houve dez meses sem conversa directa, tirando algumas mensagens trocadas. Temos pouca informação e é um caso anormal e isso poderá ter sido o aspecto mais importante para esta convocatória”

Quanto ao triunfo de Portugal na edição estreia, Fernando referiu que “estes jogos da Liga das Nações são para ganhar, nunca entramos sem este objectivo. Mas, ao mesmo tempo, tenho que aproveitar esta competição para começar a pensar no Campeonato da Europa em 2021″.

Pragmático, como sempre, o seleccionador nacional salientou também que “o nosso lema é ganhar, por isso, vamos ser sempre pragmáticos. A questão no futebol não se pode por assim. No futebol a questão é um bocadinho diferente, porque para ganhar há que jogar bem, muito bem. Para se jogar bem, tem-se que atacar bem, estar bem em todos os momentos do jogo. Portanto, pragmático sim”.

Concluiu adiantando que “não tendo contacto durante nove meses e não sabendo muito bem o que está a acontecer, escolhi aqueles que melhor se identificam com as minhas ideias. Uma coisa é quando treinamos clubes, fazemos correcções todos os dias, mas agora vamos ter três dias para trabalhar ao fim de nove meses. É mais fácil com aqueles que estão connosco, sabem o que pretendo do jogo, inclusivamente a maioria já defrontou a Croácia nos últimos tempos. Há uma identificação maior, talvez seja a razão de muitas das escolhas”.

Entretanto, o seleciconador croata, Zlatko Dalic, também já definiu a lista de convocados para o jogo frente a Portugal, e que são os seguintes:

Guarda-redes: Livakovic (Dínamo Zagreb), Sluga (Luton,Inglaterra), Grbic (Lokomotiva):

Defesas: Domagoj Vida (Besiktas, Turquia), Lovren (Zenit, Russia), Vrskaljko (Atlético Madrid, Espanha), Jedvaj (Bayer Leverkusen, Alemanha), Barisic (Rangers, Escócia), Caleta-Car (Marselha, França), Meljnak (Rizespor, Turquia), Pongracic (Wolfsburgo, Alemanha);

Médios: Modric (Real Madrid, Espanha), Rakitic (Barcelona, Espanha), Kovacic (Chelsea, Inglaterra), Brozovic (Inter, Itália), Badelj (Lazio, Itália), Pasalic (Atalanta, Itália), Vlasic (CSKA Moscovo, Rússia);

Avançados: Perisic (Bayern, Alemanha), Kramaric (Hoffenheim, Alemanha), Rebic (Milan, Itália), Brekalo (Wolfsburgo, Alemanha) e Petkovic (Dínamo Zagreb).

Agora, vamos aos treinos … para ganhar depois.

© 2020 Jogada do Mes. Todos os direitos reservados. XHTML / CSS Valid.