Domingo 04 de Dezembro de 5927

Jacob Kiplimo estrela na EDP Meia Maratona de Lisboa para 100 mil euros

MeiaMaratonaLisboa-Kiplimo-19-11-2021Domingo vai ser mais um dia grande para Lisboa e o desporto nacional, com a presença de um elevado leque de estrelas do atletismo mundial na celebração do 30º aniversário da EDP Meia Maratona de Lisboa.

Depois do interregno devido à pandemia, a meia maratona regressa e traz consigo uma nova distância para a mini maratona. A prova com um percurso de 10 km cronometrados tem agora a designação de: Vodafone 10K. Ambas as corridas partem na Ponte 25 de Abril e terminam em frente ao Mosteiro dos Jerónimos.

MeiaMaratonaLisboa-19-11-2021Carlos Móia, presidente do Maratona, realçou que “este domingo comemoramos o 30º aniversário e contamos com inúmeras figuras públicas, amigos, atletas de elite e corredores anónimos a festejar entre a Ponte 25 de Abril e a meta, em frente ao Mosteiro dos Jerónimos. A EDP Meia Maratona de Lisboa tem uma história fantástica. Ao longo destes 30 anos, trouxe recordistas mundiais, trouxe milhares de visitantes, trouxe motivação à prática desportiva, em Portugal. Penso que não exagero se disser que “ela” é um acontecimento desportivo indispensável à cidade de Lisboa, no fundo é como se já a representasse”.

À semelhança das edições anteriores, a EDP Meia Maratona de Lisboa contará um grupo de atletas de elite de renome, no qual se destaca o ugandês Jacob Kiplimo, atual campeão mundial da distância, e que chega à capital portuguesa como o segundo mais rápido da história, mercê dos 57.37 minutos conseguidos no ano passado em Valência – a apenas 5 segundos do máximo mundial de Kibiwott Kandie.

Kiplimo salientou que “estou muito entusiasmado por competir aqui, porque é a minha primeira vez e é um grande prazer estar cá. Vou dar o meu melhor, as últimas semanas de treino foram boas. Estou aqui para dar o meu melhor, vencer e talvez tentar o recorde do percurso”, fazendo mira ao registo de Zersenay Tadese (58.23), conseguido em 2010 e que foi até 2019 o recorde mundial.

A par do campeão do mundo, o pelotão da elite contará com mais nove atletas com marcas abaixo da hora, incluindo Shadrack Kimining (59.27), Huseyidin Esa (59.32), Edmond Kipngetich (59.41) e Hillary Kipkoech (59.44). Gerba Beyata Dibaba, vencedor da Luso Meia Maratona de Lisboa do mês passado, também estará presente.

Também no lado feminino a qualidade abunda, com o destaque a ir para Tsehay Gemechu, que chega à capital portuguesa com uma melhor marca de 65.08 minutos, conseguida já este ano em Copenhaga, estando também presente Hiwot Gebrekidan (2.ª na Maratona de Berlim, no passado mês de Setembro; com um recorde pessoal na ‘meia’ de 66.41). Ambas são as mais bem cotadas a vencer a prova lisboeta, mas também a bater o recorde mundial de Peres Jepchirchir (65.16, conseguidos em Gdynia, no ano passado), referente a prova feminina com partida única.

As corridas de domingo terão transmissão, em directo, na RTP1 e RTP Internacional, numa transmissão contínua entre as 10 e as 11h30, levando estas provas a mais de 200 milhões de potenciais telespectadores em todo o mundo.

Neste sábado (09h30) terá lugar a Luso 7k, a primeira prova do fim de semana e depois às 15h00, a EDP Mini Campeões, uma corrida para os pequenos grandes corredores, que junta as famílias nos jardins de Belém para uma tarde cheia de diversão.

Em conformidade com o plano de contingência acordado com as autoridades, os participantes, no levantamento dos kits de participação, terão que apresentar obrigatoriamente um certificado digital de vacinação/recuperação ou um comprovativo oficial de um teste negativo à Covid-19 válido (poderá ser um teste rápido ou de um teste PCR).

© 5927 Jogada do Mes. Todos os direitos reservados. XHTML / CSS Valid.