Quarta-feira 17 de Janeiro de 1770

Mariana Machado conquistou nova medalha de bronze, agora no europeu de crosse de sub23, na Irlanda

Atl-EuropeuCrosse-Mariana-12-12-2021

DR

Mariana Machado (Sporting de Braga), a consolidar-se como a estrela em ascensão, conquistou uma segunda medalha de bronze no europeu de crosse – mais especificamente – que este ano revê lugar em Fingal, na Irlanda do Norte.

Recorde-se que a jovem atleta do Sporting de Braga – e filha da campeã Albertina Machado – tinha conquistado também a medalha de bronze no europeu de há dois anos (Lisboa), ainda que na categoria de sub20, sendo anda sub23 em 2022, com muito para ganhar.

A italiana Nadia Battocletti voltou a ganhar, seguida da eslovena Klara Lukan e de Mariana Machado, que fizeram o mesmo tempo, a quatro segundos da italiana.

Em destaque esteve ainda Duarte Gomes, 15º na prova masculina, tendo Pedro Amaro sido o melhor júnior, em 28º lugar.

Nos seniores, os melhores portugueses andaram perto uns dos outros ao longo do percurso, cabendo a Miguel Marques acabar no 34º lugar, à frente de Samuel Barata (37º) e Rui Teixeira (43º), que colocou a equipa nacional na 9ª posição colectiva.

O norueguês Jacob Ingebrigtsen voltou a sagrar-se campeão europeu, com 14 segundos de vantagem sobre o turco Aris Kaya, que não aguentou o ataque final de Ingebrigtsen. O francês Jimmy Gressier campeão sub’23 em 2018 e 2019, fechou o pódio.

Na principal prova feminina de seniores, onde Portugal não apresentou equipa, a norueguesa Karoline Grovdal foi a vencedora, deixando a dez segundos a sueca Meraf Bahta.

Pódios das várias provas e dos portugueses

SENIORES (M)

1º Jakob Ingebrigtsen  (Noruega), 30.15; 2º Aras Kaya  (Turquia), 30.29; 3º Jimmy Gressier (França), 30.34; 34º Miguel Marques (31.44), 37º Samuel Barata (32.01), 43º Rui Teixeira (32.13), 62º André Pereira (33.13).

Por equipas

1º França (13), 2º Espanha (30), 3º Noruega (47); 9º Portugal (114).

SENIORES (F)

1ª Karoline Grovdal (Noruega), 26.34; 2ª Meraf Bahta (Suécia), 26.44; 3ª Alina Reh (Alemanha), 26.53.

Por equipas:

1º Grã-Bretanha (25), 2º Alemanha (29), 3º Suécia (38)

SUB’23 (M):

1º Charles Hicks (G. Bretanha), 24.29; 2º Darragh McEllhinney (Irlanda), 24.33; 3º Ruben Querinjean (Luxemburgo), 24.36; …15º Duarte Gomes (25.10), 38º Etson Barros (25.45), 43º Alexandre Figueiredo  (25.50), 56º Ruben Amaral (26.15), 60º Miguel Moreira (26.29), Isaac Nader (desistiu).

Por equipas:

1º Irlanda (21), 2º G. Bretanha (24), 3º França (36), …. 7º Portugal  (96)

SUB’23 (F):

1ª Nadia Battocletti (Itália), 20.32; 2ª Klara Lukan (Eslovénia),   20.36; 3ª Mariana Machado (20.36); 24ª Lia Lemos (21.45)

Por equipas:

1º Itália (18), 2º França (25), 3º G. Bretanha (37)

JUNIORES (M):

1º Axel Christensen  (Dinamarca), 17.53; 2º Abdullahi Rabi (Noruega), 18.18; 3º Joel Lilleso (Dinamarca), 18.21; 28º Pedro Amaro (18.58), 32º João Amaro  (19.01); 63º Duarte Santos  (19.38), 73º Jacinto Gaspar  (19.52).

Por equipas:

1º G. Bretanha  (34), 2º Irlanda (35), 3º Israel (37), …

10º Portugal (123).

JUNIORES (F):

1ª Megan Keith  (GT. Bretanha), 13.41; 2ª Ingeborg Ostgard  (Noruega), 13.44; 3ª Emma Heckel  (Alemanha), 13.46; ….46ª Rita Figueiredo (14.28), 60ª Beatriz Fernandes (14.39), 79ª Camila Gomes (14.54), 90ª Ana Silva (15.26).

Por equipas:

1º Alemanha,  15; 2º Espanha ( 27), 3º Grã-Bretanha (32), …. 16º Portugal, 185.

Ao site da Federação Portuguesa de Atletismo, Mariana Machado, medalha de bronze nos sub23, salientou que a prova “foi um bocadinho dura que, por momentos, pensei que me estava a fugir o sonho, mas nos últimos 400 metros, quando me consegui aproximar das duas primeiras, passando para o terceiro lugar, tudo pareceu mais real”, tendo acrescentado que “pensei mesmo que iria conseguir, mas nos últimos 50 metros senti as pernas a falhar e a eslovena mostrou ter mais força e ultrapassou-me mesmo sobre a meta”.

Rematou ainda Mariana Machado que “estou muito feliz, por ter conseguido a minha terceira medalha internacional, duas de bronze, uma de prata, depois de vários quartos lugares. Falta-me o ouro e não vou desistir de alcançar esse objectivo”.

© 1770 Jogada do Mes. Todos os direitos reservados. XHTML / CSS Valid.