Quarta-feira 06 de Julho de 2022

Sporting conquistou 16ª Taça de Portugal de Andebol em final emotiva com o F. C. Porto (campeão nacional)

Sporting 16 Taca Portugal Andebol

Sporting C. P Modalidades

O Centro de Desportos e Congressos de Matosinhos, foi o palco da Final da Taça de Portugal, em Andebol, que colocou frente a frente as entronizadas equipas do F. C. do Porto e do Sporting, tendo os leões, após uma partida que durou 80 minutos, conquistado mais um troféu.

Foram os azuis e brancos que começaram com posse de bola e a aplicação de um castigo máximo para ser convertido por António Areia, que acabou por não realizar face de Manuel Gaspar. Do outro lado o mesmo acabou por acontecer e após nova oportunidade desperdiçada, Jens Schongarth acabou por concretizar o primeiro golo perto dos 3 minutos. Manuel Gaspar continuava a mostrar-se endiabrado na baliza leonina, dando o mote para o ataque verde e branco, que chegou ao 0-2 pela mão de Jonas Tidemand. O primeiro golo dos Dragões acabou por chegar pela mão de Pedro Cruz, após os seis minutos de jogo, na conversão de um livre de 7 metros mas, na conversão do outro lado, Nikola Mitrevski acabou por não permitir nova investida

Com um ritmo frenético e os empates a passarem a ser sucessivos até que os azuis e brancos passaram para o comando, com três golos à maior (7-4), pela mão de Victor Iturriza, o que levou Ricardo Costa a colocar o seu primeiro cartão verde na mesa.

Depois de os portistas terem chegado ao 11-8, Diogo Branquinho foi atrás e aumentou ainda mais a diferença, colocando os Leões em dificuldades no sector ofensivo mas foi mesmo Magnus Andersson quem colocou o time-out na mesa. O jogo seguiu a um ritmo bastante intenso até ao descanso, com Salvador Salvador a reduzir para três golos (13-10), chegando-se ao intervalo com 15-13.

Chegou a um 16-15, num caminho que passou ainda aos 19-18 (20’). A meio do segundo tempo, os portistas conseguiam manter os dois golos de vantagem, com 21-19 no placar, mas os sportinguistas não baixaram a guarda chegando a 24-23, chegando-se ao empate a 26 golos, com que terminou o tempo regulamentar.

Entrando-se no primeiro tempo extra, a situação não se modificou nada, porquanto, no final, o resultado manteve-se empatado, agora a 30 golos.

No segundo prolongamento, Gassama colocou o Sporting na frente (34-32), tendo os leões conseguido manter a dianteira e chegar ao fim com o triunfo a 36-35, num encontro empolgante e repleto de emoção.

Esta foi a 16ª Tapa de Portugal conquistada pelo Sporting ao longo da história deste troféu.

O MVP do jogo foi o sportinguista Francisco Costa, que foi ainda o melhor marcador (13 golos em 19 tentativas).

© 2022 Jogada do Mes. Todos os direitos reservados. XHTML / CSS Valid.