Quarta-feira 17 de Abril de 2024

Croácia derrotou Marrocos e conquistou a medalha de bronze no Mundial de Futebol Qatar2022

croacia vs marrocos 17 dez 2022

FIFA

Mantendo uma cadência regular, a Croácia venceu a equipa sensação deste Mundial Qatar2022, tendo conquistado a medalha de bronze de uma competição que se completa este domingo e que, de alguma forma, iniciou um novo paradigma de calendário.

Com jogos realizados em Dezembro (fora do contexto do centro fulcral do futebol mundial, como tem sido a Europa) fica para a fazer os respectivos balanços por sectores, que se esperam venham a conhecer-se para se analisar a validade de uma outra proposta semelhante ao que se deu à candidatura do Qatar, em que as críticas tem sido várias.

A principal surpresa, como se aludiu, como foi o caso de Marrocos, bateu por larga margem o que tinha feito anteriormente, tendo chegado às meias-finais, o que confirma a evolução deste país africano e que foi afastada da final ao perder com a França, a potência a que pertenceu num passado bem mais longe e com quem tem fortes laços em diversas áreas.

“Relegado” para a disputa do 3º e 4º lugares, Marrocos vendeu cara a derrota frente a uma Croácia que, há quatro anos, foi finalista frente à França, com quem perdeu, levando os franceses à conquista do segundo título mundial e, este ano, com todas as possibilidades de atingir o terceiro, caso vença a Argentina no jogo a realizar este domingo.

No encontro deste sábado, a Croácia adiantou-se no marcador com um golo madrugador (7’) de Guardiol, tendo Marrocos respondido (9’), com o empate da autoria de Achruf Dori (9’). Orsic (42’) respondeu da melhor forma quase a chegar o intervalo, colocando os croatas na mó de cima.

O que se manteve ao longo de todo o segundo tempo.

Com mais remates (12-9, dos quais 4-2 para a baliza, numa posse de bola de 51/49%), a Croácia confirmou um triunfo que assentou bem, também confirmado pelo número de passes (487-472), conquistando uma valiosa medalha de bronze, ainda a confirmar a de prata alcançada quatro anos atrás.

Uma evolução muito positiva.

E um bom tónico para a final deste domingo, com a Argentina a querer chegar ao terceiro, a confirmar os conquistados em 1978 e 1986.

 

© 2024 Jogada do Mes. Todos os direitos reservados. XHTML / CSS Valid.