Sábado 21 de Setembro de 2019

Quinze portugueses para o Mundial de Atletismo de Doha

fpatletismo_logo_novoDe acordo com as normas previstas pela Federação Internacional das Associações de Atletismo (IAAF), a Federação Portuguesa de Atletismo divulgou o nome dos quinze atletas que obtiveram os mínimos definidos, um dos mais baixos de sempre na história da presença, desde 1983, dos mundiais de atletismo.

Isto porque, menos de quinze atletas só aconteceram precisamente no ano da sua criação (1983, em Helsínquia), Paris’2003 (14) e em Moscovo’2013 (12), numa altura em que se continua a realçar a presença de mais atletas nas disciplinas técnicas, em contra ponto com o meio fundo e fundo, onde apenas teremos a maratonista Salomé Rocha, sendo 11 atletas do sexo feminino e apenas quatro do masculino, o que também não é novidade.

Os que fizeram mínimos (que fica longe da previsão federativa) são:

Masculinos

Triplo-salto – Pedro Pichardo (17,53) e Nélson Évora (17,13)

Peso – Francisco Belo (20,97)

20 km e 50 km Marcha – João Vieira (1.22.26 e 3.46.38)

Femininos

100 m – Lorène Bazolo (11m23)

400 m – Cátia Azevedo (51,62)

Triplo – Patrícia Mamona (14,44), Susana Costa (14,43) e Evelise Veiga (14,43)

Disco – Irina Rodrigues (62,74)

20 km Marcha – Inês Henriques (1.29.15) e Ana Cabecinha (1.29.41)

50 km Marcha – Inês Henriques (4.09.21) e Mara Ribeiro (4.27.14)

Maratona – Salomé Rocha (2.24.47).

Existem ainda hipóteses de Liliana Cá (disco), Vera Barbosa (400 metros barreiras) e Tsanko Arnaudov (peso) poderem entrar no caso de alguns efectivos desistirem (por lesão ou outros motivos), o que só se saberá daqui a uma semana.

Os mundiais de Doha (Qatar) decorrem de 27 deste mês a 6 de Outubro.

Destes 15, cinco também já cumpriram os mínimos para os Jogos Olímpicos’2020, mas terão de voltar a demonstrar, na próxima época, que estarão em condições de estar presentes, como são os casos dos triplistas Pedro Pichardo, Patrícia Mamona e Evelise Veiga; a maratonista Salomé Rocha e o marchador João Vieira.

Recorde-se que o número de atletas presentes em cada prova tem vindo a decrescer, estando agora fixados em 56 (100 e 200 metros), 27 (10.000), 32 (concursos), 24 (provas combinadas), 60 (marcha), 80 (maratona) e 16 (estafetas).

 

© 2019 Jogada do Mes. Todos os direitos reservados. XHTML / CSS Valid.