Quarta-feira 28 de Outubro de 2020

Rui Costa a “resvalar” mas com o melhor de sempre!

JORio-Vinicius-MascoteCom a queda de dois ciclistas que seguiam na sua frente, que o levaram a travar e perder tempo demasiado, o campeão do mundo em 2013, Rui Costa, conseguiu ainda assim o melhor resultado de sempre (10.º) em Jogos Olímpicos, depois do 13.º em Londres2012, ficando a 2.29 do novo campeão olímpico.

André Cardoso foi 36.º a 12.18 e José Mendes 53.º, a 20 minutos do novo campeão olímpico, o belga Greg van Avermaet, que cumpriu os 237,5 quilómetros do percurso em 6.10.05 horas, batendo ao ‘sprint’ o dinamarquês Jakob Fuglsang, enquanto o polaco Rafal Majka, apanhado a um par de quilómetros da meta, abdicou da luta e ficou com a medalha de bronze.

A prova foi marcada por várias quedas e abandonos, entre as quais a do português Nelson Oliveira, que será o representante português no contra-relógio, a disputar na quarta-feira.

No tiro com pistola de ar comprimido, João Costa ficou a dois pontos de estar na final, porquanto foi 11º na qualificação, com 578 pontos, prova que foi ganha pelo atirador Hoang Xuan Vinh (Vietname), o primeiro ouro da história daquele país, na prova de com 202,5 pontos.

Bateu o brasileiro Felipe Almeida Wu (202,1) e o chinês Pang Wei (180,4).

João Costa, que cumpre a quinta olimpíada, voltará à carreira de tiro na quarta-feira para competir na competição de pistola a 50 metros.

Na natação, Alexis Santos bateu o recorde nacional dos 400 metros estilos, fixando-o em 4.15,84 minutos, tirando 46 centésimos de segundo ao máximo que já lhe pertencia, desde 2013, marca que lhe proporcionou o 14.º lugar final.

Na mesma prova, Victoria Kaminskaya foi 28.ª ao cumprir as eliminatórias em 3.46,03 minutos, falhando o recorde pessoal (3.42,53) que lhe valeu um lugar no Rio2016.

O tenista Gastão Elias (61.º do ATP) qualificou-se para a segunda ronda ao vencer o australiano Thanasi Kokkinakis (452.º ATP) pelos parciais de 7-6 (7-4) e 7-6 (7-3) – jogo que durou duas horas e doze minutos – jogando na segunda ronda com o vencedor do embate entre Darian King (Barbados) e Steve Johnson (EUA).

No Ténis de mesa, Shao Jieni sofreu uma copiosa derrota (0-4) frente à norte-americana Lily Zhang, com os parciais de 4-11, 11-13, 9-11 e 6-11, na estreia na primeira ronda.

 

Programa português neste domingo

 

Fu Yu estrear-se-á (13h00) na segunda ronda do torneio de ténis de mesa, estando a terceira ronda (se vencer) marcada para as 23 horas.

Marcos Freitas estará também na terceira ronda, pela uma hora da madrugada de segunda-feira.

Na canoagem, estreia de José Carvalho, em slalon C-1, pelas 16h30.

No futebol, Portugal jogará com as Honduras pelas 19 horas, no segundo jogo do torneio que, se ganhar, passará automaticamente aos quartos-de-final.

Na ginástica, Filipa Martins estará na artística, com provas a iniciarem-se depois da meia-noite, ou seja, no princípio da madrugada de domingo.

No Judo, Joana Ramos estará no torneio dos -52 kg, com início pelas 14 horas e términus cerca das 19 horas, enquanto Sergiu Oleinic estará no mesmo horário na categoria de – 66 kg.

Mais cedo (nunca antes das 16h30) João Sousa entrará em competição na segunda ronda do ténis.

 

Outras notícias

 

A primeira medalha de ouro dos Jogos Olímpicos foi para a norte-americana Virginia Thrasher, que venceu a prova de tiro de carabina a 10 metros.

Thrasher, de apenas 19 anos, superiorizou-se à campeã olímpica em Atenas2004, a chinesa Du Li, prata, e à também chinesa Yi Siling, que defendia o título olímpico conquistado em Londres2012, e que ficou com o bronze.

O primeiro recorde do mundo foi alcançado pelo sul-coreano Kim Woojin (bicampeão mundial), no tiro com arco com o alvo a 70 metros, que somou 700 pontos, tendo superado a anterior marca apenas por um ponto, que pertencia ao compatriota Im Dong-Hyun nos Jogos Olímpicos de Londres’2012.

 

Segurança, alerta, já actuou por duas vezes

 

Um tiro atingiu, este sábado, a sala de imprensa do centro hípico dos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro, sem fazer feridos, indicou um porta-voz da organização.

O disparo ocorreu fora da sala de imprensa, perfurou a cobertura de lona daquele espaço e a bala foi recolhida no chão do interior da sala, precisou uma porta-voz do centro de hipismo citada pela agência de notícias espanhola, Efe.

Os responsáveis da segurança do Rio2016 estão a investigar o que aconteceu e a comissão organizadora vai divulgar um comunicado com mais pormenores sobre o incidente, segundo a mesma fonte.

Outro incidente verificou-se na zona de chegada da prova de ciclismo, onde foi necessário recorrer a uma explosão controlada de um volume suspeito junto à praia de Copacabana, situação que não afectou o final da corrida.

Entretanto, na natação, o resultado de maior relevo pertenceu ao nadador britânico Adam Peaty, que bateu o seu próprio recorde do mundo dos 100 metros bruços, fixando-o agora em 57,55.

O campeão do mundo em título desta distância, de 21 anos, tinha o melhor registo internacional em 57,92, desde 2015.

© 2020 Jogada do Mes. Todos os direitos reservados. XHTML / CSS Valid.